Bispos do Regional Leste 2 da CNBB gravam vídeo sobre as eleições « Diocese de Viana

Notícias › 26/07/2018

Bispos do Regional Leste 2 da CNBB gravam vídeo sobre as eleições

Oferecer uma contribuição da Igreja a fim de que os cristãos possam votar de modo consciente. Essa é a proposta de um vídeo gravado pelos bispos de Minas Gerais e do Espírito Santo, estados que integram o Regional Leste 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). O vídeo foi divulgado nesta quarta-feira, 25, pela arquidiocese de Belo Horizonte (MG).

Corrupção, abstenção do voto, participação de leigos na política e interesse pelas decisões no país são alguns dos temas abordados pelos bispos. O arcebispo de Belo Horizonte (BH), Dom Walmor Oliveira, fala sobre a necessidade do voto e sua importância.

“É preciso votar. Campanhas em contrário podem gerar resultados inesperados, pois o voto em branco, o voto nulo e as abstenções não invalidam eleições. É preciso saber disso e fazer valer a responsabilidade social da escolha dos futuros servidores da pátria: presidente da república, governadores, senadores, deputados federais e estaduais. Os eleitos interferirão de maneira decisiva na construção da nossa nação nos próximos anos”, alertou Dom Walmor.

Dom José Carlos Souza, bispo diocesano de Divinópolis, completou: “Não podemos ficar apáticos, não podemos vender o nosso voto, não podemos deixar de votar”.

Sobre o trabalho desenvolvido pelos bispos, materializado na cartilha de orientações para as eleições de 2018, Dom José Carlos reiterou a principal motivação do clero: “Não queremos e não vamos nos sobrepor às consciências, indicando em quem se deve votar, mas nos comprometemos em oferecer elementos e subsídios necessários neste contexto social. O Evangelho, fonte inspiradora da doutrina social da Igreja, é o critério a partir do qual queremos pensar a política e os políticos”, apontou.

Diante do cenário político atual, Dom Marco Aurélio Gubiott, bispo diocesano de Itabira, defendeu o poder de decisão da população. Ele considerou que, apesar dos elementos negativos do cenário político atual, é tempo de esperança. “Vivemos com grande esperança e valor o poder de decisão que está nas mãos do povo pela via democrática do voto”, comentou.

Dom Joaquim Giovani Mol, bispo auxiliar da arquidiocese de Belo Horizonte, explicou a proposta do Regional Leste 2 da CNBB: “Diante desta realidade, com esperança, propomos que cada cidadão e cidadã faça um discernimento sério, superando o desinteresse pela política, desenvolvendo assim uma sensibilidade social capaz de vencer a apatia e a indiferença que levam a qualquer escolha”.

Dom Joaquim Wladimir, bispo diocesano de Colatina, completou: “Nós preparamos conteúdos formativos, a partir da doutrina social da Igreja”. Segundo o bispo, a CNBB usará as mídias, rádio, televisão, impresso e redes sociais para ajudar na compreensão dos brasileiros diante deste, que é um importante exercício democrático.

Em nome dos bispos da Arquidiocese de Belo Horizonte e Vitória, Dom José Aristeu, bispo da diocese de Luz, reforçou o comprometimento dos bispos em contribuir na formação da consciência política, do valor do voto, e da importância da participação de cristãos leigos e leigas no processo eleitoral. “Nosso tempo é difícil, complexo, fragmentado, por isso não podemos tratar esta bela via da caridade, que é a política, com descaso e desinteresse”, alertou.

Por fim, Dom Luiz Mancilha, arcebispo de Vitória, recordou elementos da fé cristã que auxiliam os cristãos na construção do Brasil, a partir do projeto de Deus. “Nossa fé nos faz olhar para Jesus Cristo, o verbo encarnado de Deus, que assumiu, na sua carne, tudo o que é verdadeiramente humano. Olhar para o evangelho, nossa verdade, e olhar para o Reino que desejamos, para que venha a nós”, pediu.

Confira o vídeo:

Via Canção Nova

Imprimir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *