Diocese de Viana

(98) 3351-1174

Sem categoria › 16/09/2020

Foi um brasileiro quem recebeu o milagre da canonização da Santa Madre Teresa

E foi com esta breve oração que ele alcançou a graça de uma cura inexplicável

WEB3-MOTHER-TERESA-CALCUTA-PORTRAIT-shutterstock-1180321759-Photology1971

imagem Shutterstock

Realizada pelo Papa Francisco em 4 de setembro de 2016, a canonização da Santa Madre Teresa de Calcutá se fundamentou no milagre alcançado por um brasileiro.

O homem agraciado pela cura sofria de múltiplos tumores no cérebro em decorrência de um acidente acontecido em plena lua-de-mel, quando tinha 35 anos de idade. No hospital, em Santos, SP, ele foi diagnosticado com hidrocefalia e oito abscessos espalhados pelo cérebro.

Ao longo da internação, sua esposa foi procurar ajuda espiritual junto ao pe. Elmiran Ferreira, da paróquia de Nossa Senhora Aparecida, na cidade vizinha de São Vicente. Foi o padre quem lhe deu a medalhinha da Madre Teresa de Calcutá.

A esposa do enfermo a colocou sobre o travesseiro do marido, no leito hospitalar, e rezou com fervor pedindo a intercessão da então beata missionária. O marido permanecia inconsciente no centro cirúrgico enquanto um dos médicos saiu para buscar um dreno. Foi nesse ínterim que o homem acordou, recuperou plenamente os sentidos e tomou café – sozinho! A cirurgia, marcada para o dia seguinte, simplesmente foi cancelada.

Além da medalhinha, o pe. Elmiran deu à família uma oração para que fosse rezada de maneira intensa à então beata Madre Teresa. Eles rezaram. Segundo o seu testemunho, “a Madre Teresa se tornou conforto e alento naquela longa jornada”.

Mas que oração foi essa que obteve o milagre da cura para o jovem doente e a canonização para a Madre Teresa?

Eis a prece, breve, singela e vívida:

“Beata Teresa de Calcutá,
tu permitiste ao sedento amor de Jesus na Cruz
tornar-se uma chama viva dentro de ti.
Chegaste a ser luz do Seu amor para todos.
Obtém do coração de Jesus… (pedir aqui a graça).
Ensina-me a deixar Jesus penetrar e possuir todo o meu ser,
tão completamente que a minha vida também possa irradiar
a Sua luz e amor para os outros.
Amém”.

Via Aleteia

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.