Notícias › 12/07/2018

Papa participa das exéquias do Cardeal Jean-Louis Tauran

O Papa Francisco participou nesta quinta-feira, 12, das exéquias do Cardeal Jean-Louis Tauran, falecido em 5 de julho passado. Presidente do Pontifício Conselho para o diálogo inter-religioso, Cardeal Tauran foi quem anunciou a eleição do Papa Francisco em 13 de março de 2013.

A celebração de hoje foi realizada no Altar da Cátedra da Basílica Vaticana e presidida pelo decano do colégio cardinalício, Cardeal Angelo Sodano. Ele recordou a mensagem de pesar que o Papa Francisco enviou à irmã do cardeal, a quem Cardeal Sodano dirigiu a saudação de todos os presentes nesse momento de dor.

“Pessoalmente conservo uma grata recordação deste irmão que serviu corajosamente à santa Igreja de Cristo, apesar do peso de sua doença”, disse o cardeal Sodano, rezando para que Deus o acolha.

Ao comentar o Evangelho da ocasião – sobre as bem-aventuranças – Cardeal Sodano destacou que essas atitudes sempre iluminaram a vida do Cardeal Tauran, de forma que hoje é uma ocasião para agradecer a Deus pela vida desse purpurado falecido.

“Fui testemunha por muitos anos do grande espírito apostólico do nosso cardeal nos longos anos de comum serviço à Santa Sé e conservarei uma grata recordação disso para sempre. Grande figura de sacerdote, de bispo, de cardeal, que dedicou sua vida ao serviço da Santa Sé, da Igreja e ultimamente a dedicou ao diálogo com todos os homens de boa vontade”, acrescentou Cardeal Sodano.

Ao final da celebração, o Papa Francisco presidiu o rito da Ultima Commendatio e da Valedictio.

Cardeal Jean-Louis Tauran faleceu na quinta-feira, 5 de julho, em Hartford, Estados Unidos, aos 75 anos. Ele sofria de Parkson. Além de presidente do Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-religioso, era carmelengo da Santa Igreja Romana.

Por Canção Nova, com Santa Sé

Imprimir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *